Plataforma elevatória para cadeirantes

Seja o primeiro a comentar! - 29/04/2019

Boa parte dos imóveis com mais de um andar é inacessível a cadeirantes, que não conseguem se locomover nesses espaços sem o auxílio de terceiros, limitando sua independência em atividades básicas.

A plataforma para cadeirantes é uma maneira de contornar esse problema e tornar o imóvel acessível. Saiba, aqui, o que é esse equipamento e se ele é perfeito para seu espaço.

 

O que é a plataforma elevatória para cadeirante?

Plataforma elevatória para cadeirantes

A plataforma elevatória para cadeirantes é uma alternativa ao elevador tradicional. Trata-se de um equipamento com estrutura diferente (parcialmente aberta), destinado aos imóveis com quantidade menor de pisos, uma vez que o percurso que realiza é de até 4 metros de altura.

Além dessa característica, a plataforma para deficientes suporta até 250 quilos, não exige grande área disponível para instalação e também tem preço mais acessível, sobretudo em comparação ao elevador clássico.

 

Por que investir na plataforma para cadeirantes?

 

O equipamento é essencial para ter acessibilidade no imóvel, seja ele residencial, comercial ou empresarial. Além de tornar o ambiente inclusivo, a instalação da plataforma garante o cumprimento da lei 7.853/89 e do decreto 3.298/99, que visam à integração de deficientes físicos.

Ademais, a instalação da plataforma funciona como um diferencial no imóvel, ajudando a valorizá-lo financeiramente. Se for uma empresa, o equipamento melhora sua imagem e funciona como um diferencial em relação aos concorrentes, atraindo mais clientes.

 

Locais de instalação da plataforma para deficientes

 

A plataforma elevatória para deficientes físicos pode ser instalada em locais privados e públicos, tais como residências (sobrados e prédios com poucos pavimentos), lojas, pequenas empresas e escritórios.

O equipamento deve ser instalado em locais estratégicos, sempre em substituição à tradicional escada. Ótimos exemplos de aplicação são na entrada do imóvel e entre pavimentos, locais que costumam ser mais complicados e de difícil acesso para deficientes físicos / cadeirantes.